Mix de experiências, sonhos e trocas no centro do Rio

À primeira vista, o ambiente parece propício à criatividade – basta dar uma olhada na vizinhança (o camelódromo da Rua Uruguaiana) para saber que o improviso da economia popular carioca está ali, à espreita. Entre prédios e salas comerciais (além de algumas universidades), o centro do Rio ganhou um novo espaço para promover encontros entre criativos (e aqueles que ainda não sabem que são) da cidade: MiXto (com “x” mesmo).

Localizado dentro de uma galeria na Rua do Ouvidor, o espaço abriga eventos com temas atuais, como empreendedorismo e novas formas de consumo, para troca de experiências e histórias entre pessoas que estão a fim de mudar de trabalho a encontrar um propósito de vida – ou as duas coisas, por que não?

Mudanças, aliás, tem sido a linha condutora do local desde a sua inauguração, como agência de comunicação para pequenos e médios negócios, há dois anos. A transição para o modelo atual aconteceu quando Mayara Valença, sócia do MiXto, sentiu falta de um “propósito maior” no antigo negócio.

13575632_10201975339822740_374600435_o 13575549_10201975339382729_888375521_o

O espaço onde rolam os encontros :)
O espaço onde rolam os encontros 🙂

“Fizemos uma pesquisa nos grupos (em redes sociais) para saber o que as pessoas queriam”, diz Mayara, que define o lugar, hoje, como uma “casa de encontros criativos”. “Notamos que muitos estudantes, ou gente em início de carreira ou mudando de profissão, não podiam pagar cursos caros. Optamos por um modelo de trocas de experiências, até porque acreditamos que um encontro pode realmente mudar sua vida”. É por isso que, no MiXto, o ensino ‘vertical’ não tem vez. No lugar de mesas e carteiras, almofadas e futons. “Todo mundo tem voz. Estimulamos a conversa, queremos saber como cada pessoa chegou até aqui”.

decor_mixto
MiXto em detalhes

Os eventos, geralmente, duram algumas horas e costumam acontecer no final do dia, durante a semana – acompanhe a agenda no Face do MiXto. Mas a semelhança com o happy hour com a galera da firma acaba por aí. No lugar de desabafos sobre colegas e chefes (não que eles não existam), novas ideias e expectativas sobre o futuro.

Parte do team feminino do MiXto (na segunda foto, da esq. para a dir): Mayara Valença, Julia Máximo e Clara Rueda.
Parte do team feminino do MiXto (na segunda foto, da esq. para a dir): Mayara Valença, Julia Máximo e Clara Rueda.

A partir de agosto, o local deve funcionar também como coworking para profissionais freelancers, de uma a três vezes por semana, com condições especiais. Interessou? É só mandar um e-mail para euquero@mixtocom.com.br e combinar uma visita.

Print Friendly, PDF & Email

POSTS RELACIONADOS

Coty investe em realidade virtual para melhorar a ...
views 24
Na perfumaria Julieraque, em Buenos Aires, na Argentina, o grupo americano de cosméticos Coty está oferecendo aos seus clientes uma experiência olfativa única aprimorada pela realidade virtual. Graças à um aparelho de realidade virtual, os clientes podem escolher uma das sete pedras perfumadas, q...
Nike promete inovação para 2019
views 45
A próxima geração de tênis futuristas, que se adaptam automaticamente aos pés dos atletas, chegarão ao esporte profissional no próximo ano. A Nike vai lançar uma evolução do modelo HyperAdapt 1.0, em uma versão que otimiza a adaptação do calçado às especificidades dos pés. Em 2016, a Nike lançou ...
Google Lens: a revolução é mobile
views 382
Pesquisadores, marketeiros, geeks, digital influencers ou apenas curiosos, uni-vos! Nossa majestade, o Google, anunciou um produto que promete mudar as nossas vidas, o Google Lens.Anunciado na Conferência Anual de Desenvolvedores, a Google I/O, pelo CEO da empresa, Sundar Pichai, o app é buscador vi...
Bingo Box e WeChat, o futuro das lojas de conveniê...
views 1.4k
A integração entre inteligência artificial e automação, que está cada vez mais presente na atualidade, chegou ao segmento de comércio e serviços. A startup de tecnologia chinesa BingoBox abriu uma loja de conveniência na cidade de Zhongshan (sul da China), sem funcionários, que fica aberta 24 horas ...
#MiniTrendReport: Economia Criativa da Moda
views 541
A pedido do Fashion Revolution Brasil, o preparamos um mini relatório sobre a indústria criativa no Rio de Janeiro, seus impactos ambientais e econômicos e, claro, as tendências de novos negócios para o setor da moda.  Baixe o relatório gratuitamente aqui.

Divulgado no TrendNotes por: Carolina Landi

Jornalista carioca com alma de artista e bailarina nas (poucas) horas vagas. Gosta do pop ao erudito, em todos os sentidos e artes. Acredita em empatia e sincronicidade. Curiosa, quer viver várias vidas nessa existência.

já postou 120 vezes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *