Inteligência artificial já consegue detectar Alzheimer até seis anos antes do diagnóstico

Um novo estudo realizado por pesquisadores da Universidade da Califórnia mostra que inteligência artificial pode acelerar o diagnóstico de Alzheimer, ajudando assim no tratamento precoce da doença.

A pesquisa, publicada na Radiology, usou um tipo de mapeamento cerebral com um algoritmo de aprendizado de máquina, que aprendeu a diagnosticar o estágio inicial da doença de Alzheimer cerca de seis anos antes que um diagnóstico clínico pudesse ser feito.

Segundo Jae Ho Sohn, principal pesquisador do estudo, um dos maiores problemas do Alzheimer é que quando os sintomas clínicos se manifestam e o diagnóstico é feito, muitos neurônios já morreram, o que torna a doença irreversível. Assim, o diagnóstico feito com IA ​​pode dar aos médicos um avanço importante no tratamento da doença degenerativa.

Sohn e sua equipe monitoraram os níveis de glicose no cérebro, porque a glicose é a principal fonte de combustível para as células cerebrais. Uma vez que as células adoecem, elas param de usar a glicose. No entanto, as mudanças são sutis – pelo menos para o olho humano.

O pesquisador treinou o algoritmo em exames de pacientes que acabaram sendo diagnosticados com doença de Alzheimer, comprometimento cognitivo leve ou nenhum distúrbio, e o algoritmo começou a descobrir como prever a doença de Alzheimer. O acerto foi de aproximadamente 92% no primeiro teste e 98% no segundo, fazendo previsões corretas em média 75,8 meses antes do paciente receber o diagnóstico de Alzheimer.

Embora o algoritmo ainda não esteja pronto para uso clínico, essa já é uma linha pode ajudar os médicos a começarem a tratar os pacientes muito antes da doença progredir.

Via B9.

Print Friendly, PDF & Email

POSTS RELACIONADOS

Dez tendências que vão influenciar o mercado de mo...
views 193
Em 2019, as empresas que alcançarão mais sucesso são as estiverem dispostas a desenvolver novas formas de fazer e vender moda, porque algumas das estratégias antigas simplesmente não funcionam mais. Essa é uma das apostas do relatório “The State of Fashion”, realizado pela consultoria McKinsey&a...
A tecnologia a favor da humanidade
views 581
Empreendedores globais se reuniram na London Tech Week 2017. Durante uma semana no mês de junho, vários eventos tomaram a cidade para celebrar a indústria da tecnologia.   O debate sobre o sentido de ética e responsabilidade no uso da Inteligência Artificial (IA) e outras inovações permeou a apre...
Ativismo, saúde e arte em Dublin
views 786
Ativismo LGBT para ajudar famílias e escolas, bancos de roupas que contribuem para levantar fundos para pesquisa do câncer de mama e um hotel com fachada inspirada em "Ulysses", de James Joyce: confira os destaques da nossa coolhunter Bárbara Feitosa em Dublin, Irlanda.  Belong to (www.belong...

Divulgado no TrendNotes por: Carolina Landi

Jornalista carioca com alma de artista e bailarina nas (poucas) horas vagas. Gosta do pop ao erudito, em todos os sentidos e artes. Acredita em empatia e sincronicidade. Curiosa, quer viver várias vidas nessa existência.

já postou 120 vezes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *